LINKCE Telecom

internet starlink

Internet Starlink: o que se sabe sobre a internet do Elon Musk?

Se você não estava hibernando nesses últimos anos, então provavelmente sabe quem é Elon Musk ou pelo menos já tenha ouvido falar nele. Porém, nem todo mundo sabe o que é a Internet Starlink.

O bilionário Elon Musk ficou bastante conhecido quando revolucionou o mercado automobilístico com a Tesla, empresa automotiva de carros elétricos e de armazenamento de energia.

Além disso, Musk também é fundador da SpaceX, fabricante americana de sistemas aeroespaciais, transporte espacial e comunicações.

Por já ter um amplo conhecimento em tecnologia e comunicação, a ambição mais recente do bilionário foi justamente a Internet Starlink. Você já ouviu falar? O que pode mudar com ela?

Neste post você vai conferir tudo sobre a “Internet do Elon Musk”, sua grande inovação, diferenciais e muito mais. Boa leitura!

Afinal, o que é a Internet Starlink?

A Internet Starlink, da empresa SpaceX, é um projeto do Elon Musk que visa entregar conexão rápida à Internet para as pessoas em qualquer lugar do mundo.

Ao contrário dos tipos de Internet que você já conhece, como rádio e fibra óptica, por exemplo, a Starlink utiliza satélites para realizar esse serviço.

Atualmente a empresa conta com mais de 2 mil satélites em órbita da Terra para que o serviço possa abranger grande parte da população mundial.

Ao anunciar o serviço em 2019, muitas pessoas achavam o projeto impossível, mas apenas dois anos depois, em 2021, cerca de 100 mil entusiastas assinaram a Internet Starlink, segundo o próprio Elon Musk.

Em 2022, já são mais de 250 mil usuários e a meta da empresa é atingir 5 milhões de assinantes em todo o planeta.

Veja um vídeo dos primeiros satélites da Starlink orbitando na Terra em 2019:

[VÍDEO]

Quanto custa a Internet Starlink?

Bom, com toda essa inovação e tecnologia de ponta, você deve estar se perguntando quanto custa essa Internet, certo?

Se você acha que o serviço é caro para a grandiosidade que ele é, saiba que você está muito… certo.

Atualmente, quem deseja ter a “Internet do Elon Musk” em casa precisa pagar uma assinatura mensal de 99 dólares, ou seja, 495* reais!

E se você acha que para por aí, está enganado. Para que a Internet funcione e receba todo o sinal via satélite, os clientes também precisam adquirir um kit especial com antena, tripé e roteador por US$ 499 ou R$ 2.495.

Além disso… sim, já deu para entender que é caro, certo? Mas ainda tem um valor que é preciso levar em consideração. Bom, além disso, ainda tem o frete desses produtos.

Como se trata de materiais de alta tecnologia, o frete é bem caro e a própria Starlink pede um depósito antecipado entre R$ 300 a R$ 500, dependendo da sua região.

Então, só no primeiro mês, com custos de assinatura, equipamento e frete, o cliente terá que desembolsar a “bagatela” de R$ 3.290 pelo menos! Tudo isso ainda sem considerar os impostos.

Observação: cálculos feitos com a cotação do dólar a R$ 5,00.

Vantagens da Internet Starlink

Apesar do preço, a Internet Starlink tem sim as suas vantagens e vamos citar aqui 3 delas.

1. Abrangência da conexão

Com certeza a principal vantagem da Starlink frente aos outros tipos de conexão é em relação ao alcance do sinal.

Por exemplo, é comum que determinada provedora de Internet não esteja disponível em um bairro mais afastado ou então em cidades do interior do Brasil.

Como o sinal da Starlink é via satélite, ela pode ser acessada por qualquer pessoa do mundo, independente do lugar “tão tão distante” que ela esteja.

2. Baixa latência (ping)

Em segundo lugar, temos a questão do ping baixo, que é fundamental para um tempo de resposta menor entre o seu dispositivo e um jogo, serviço de streaming, dentre outros exemplos.

Atualmente, em testes revelados pela empresa, o ping médio é observado por 40 ms. Um pouco menor que valores observados em fibra óptica, por exemplo, que fica na faixa dos 50 ms.

Entretanto, essa redução é tão pequena que é imperceptível. Só será perceptível se você, gamer, quiser jogar em servidores de outros países do mundo, por exemplo.

3. Portabilidade

[IMAGEM]

Por último, temos a questão da portabilidade. Apesar de ser uma Internet de alto nível via satélite, a antena dela não é nem um pouco grande.

Trata-se de um produto pequeno, que você mesmo pode carregar na caixa, inclusive junto do roteador.

Como a instalação é super simples, você pode pegar os produtos e levar em uma viagem para uma cidade mais distante que não tenha sinal de outros tipos de Internet, por exemplo.

E a velocidade? É potente?

Bom, apesar de 3 boas vantagens da Internet Starlink, a velocidade ainda não é o seu forte.

Atualmente, quem quiser aderir a essa Internet, pode optar por 100 a 200 MB de velocidade no plano residencial e até 500 MB no plano empresarial.

Aqui na LinkCE, por exemplo, nossos planos iniciam com 300 MB com 100% de download e upload por apenas R$ 89 por mês.

Vale ou não a pena a Internet Sarlink no Brasil?

Se você colocar no papel a relação custo-benefício, com certeza a Internet Starlink não vale a pena pela questão da velocidade e por quanto ela custa, a não ser que você viaje muito para lugares isolados e áreas rurais.

A própria Starlink já revelou que pretende lançar mais de 40 mil satélites em órbita no espaço com objetivo de atingir as zonas mais afastadas do planeta.

O grande objetivo disso é alcançar, sobretudo, grandes produtores rurais e o agronegócio como um todo.

Diante disso, apesar dos consumidores residenciais poderem ter acesso à Internet Starlink, o alto custo ainda não é viável para boa parte da população, principalmente para os brasileiros.
Sabe o que vale a pena? Ter LinkCE na sua casa! Confira nosso plano de 500 Mega e turbine sua internet. Saiba mais.